quarta-feira, 18 de março de 2015

Injustiça e barbaridade - Homem leva facadas por ser homossexual

No dia 10 deste mês, o jovem engenheiro Rodrigo Mariano Miguel, de 33 anos foi brutalmente violentado a facadas dentro do condomínio onde mora em São Bernardo do Campo, ABC Paulista.

Ato violento aconteceu por Rodrigo ser gay. ‘’Eu terei que ficar de repouso por pelo menos três meses porque tive uma lesão grave na coluna, quase fiquei sem movimentos’’ disse em entrevista a um site de notícias.

Rodrigo viu o suspeito sentado em um banco dentro do prédio com a mulher. Quando retornou os dois ainda estavam lá. ''A mulher dele foi cúmplice de tudo. Eu escutei ela dizendo: se você tem certeza que é isso que você quer fazer, então vai lá e faz. Depois de segundos fui atacado.''  contou Rodrigo para o mesmo site.


Nesta terça- feira (17) Rodrigo prestou depoimento, a Polícia Civil informou que já foi identificado o agressor e o convocará para depoimento
.

                                   
Rodrigo ficou cinco dias internado
 Nesse mesmo mês foi postado aqui no blog, porém com maior consequência, o jovem de 14 anos que morreu vítima de agressões na escola, motivo da barbaridade; seus pais adotivos eram homossexuais. Histórias semelhantes, com finais diferentes.

A sociedade precisa evoluir, não podemos continuar com essa violação de direitos e discriminação. É inaceitável sofrer agressões por conta do seu gênero, cor, raça,religião. Afinal, todos merecem respeito, justiça, direito à vida, igualdade, perante a lei somos todos iguais.   








Nenhum comentário:

Postar um comentário