quarta-feira, 4 de março de 2015

Cyberbullying

Ridicularização, ofensas, tormento externo, pressão psicológica e infelizmente, na maioria dos casos, depressão; por fim, a pior consequência: o suicídio. Segundo um estudo na Inglaterra, pelo menos a metade dos casos de suicídio ocorridos entre os jovens estão relacionados ao bullying. A cada ano, o bullying virtual — ou cyberbullying  toma uma proporção extensa. Vídeos e fotos íntimas são postadas sem autorização e na maioria das vezes, são as mulheres que passam por essa humilhação. 

No ano de 2013 tivemos um caso de cyberbullying que se tornou fenômeno nas redes sociais. Para quem não sabe, Julia Gabriele, com apenas 11 anos, foi vítima de ridicularização e ofensas após postar uma foto em sua rede social; toda repressão sofrida por conta de sua aparência. Felizmente, a menina deu a volta por cima e seguiu sua infância com o apoio da família e dos amigos.

Julia desabafou no Twitter.
Indico um filme sensacional que relata claramente esse assunto: Cyberbully (2011). Clicando aqui, você pode assistir o trailer do mesmo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário