sábado, 6 de fevereiro de 2016

Criminalidade do RJ faz uma nova vítima

Atualização (22/02) Ontem, moradores realizaram uma passeata pela paz , em Cascadura.A passeata contou com amigos e familiares da jovem Monique Sant' anna que foi assassinada no dia 05 de fevereiro.


                                    

                                                   



Atualização ( 16/02)


Durante a madrugada, um novo acusado foi encontrado. O jovem estava dentro do carro roubado durante o crime no dia (05/02). O acusado já está preso.

Segundo o delegado Fábio Cardoso, os policiais desde o início das investigações evidenciaram haver um terceiro elemento.



Atualização (12/02)

 
Ontem, os dois criminosos acusados de tirar a vida da jovem Monique, de 23 anos foram presos. Policias da Divisão de Homicídios prenderam os acusados na madrugada desta sexta-feira. Os criminosos foram presos em Marechal Hermes, Centro.
O Foca na Notícia  parabeniza todos os policiais que fizeram justiça.

Richard de Andrade Brito, 25 anos.
Fotos de reprodução

Yago Lima da Silva, 20 anos.
Fotos de reprodução.

  
Nesta quinta - feira, o Rio de Janeiro teve mais uma jovem vítima do crime. Mais uma jovem com um futuro promissor  destruído por criminosos.

Monique Santana, com apenas 23 anos, cabo da marinha e terminando a faculdade.
A jovem morreu numa tentativa de assalto no fim da noite desta quinta - feira na rua do  Amparo em Cascadura , ela e as amigas se preparavam para a Região dos Lagos e estavam colocando as malas no carro. Quando dois bandidos armados abordaram o grupo.
Monique estava em casa, quando abriu o portão e um barulho chamou a atenção dos criminosos. Foi quando um deles atirou e a acertou no peito.

 

                                        
A família dessa vítima e das demais que também foram destruídas pelo crime pedem e gritam por justiça!
Segundo informações, o sepultamento da vítima foi realizado hoje (06/02) em Raiz da Serra, Magé. 


A Delegacia de homicídios está investigando o caso, e houve perícia no local do crime.

Onde está a segurança pública, onde estão os direitos? 


Nenhum comentário:

Postar um comentário